Home / Geral / Brasil e Estados Unidos, lideram as melhores práticas científicas para um trânsito mais seguro

Brasil e Estados Unidos, lideram as melhores práticas científicas para um trânsito mais seguro

Os Estados Unidos acabam de aprovar o uso do Exame do Cabelo por empresas transportadoras na admissão e nos testes randômicos de motoristas profissionais. A Lei também diz que o Exame Toxicológico é uma opção confiável para detectar o uso de substâncias psicoativas. O teste irá detectar a utilização recorrente de drogas como maconha, cocaína, opiáceos, anfetaminas e metanfetaminas, com visão retroativa mínima 90 dias. No Brasil, o Exame Toxicológico passará a ser obrigatório, a partir do dia 02 de março, para motoristas que possuam CNH nas categorias C, D e E.

O Brasil é o terceiro país com mais mortes no trânsito e 38% dos acidentes nas rodovias federais envolvem veículos pesados. A expectativa é de que mais de 300 mil vidas sejam poupadas ao longo dos próximos 25 anos com a aplicação dos exames toxicológicos via fio de cabelo. A obrigatoriedade do Exame foi determinada pela Lei Federal 13.103 e regulamentada pela Portaria Nº 116 do Ministério do Trabalho e pela Deliberação Nº 145 do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN). O teste só poderá ser realizado por laboratórios que possuam acreditações com Valor Forense, o que impede que o laudo possa ser contestado em Tribunal.

Com a implementação do Exame Toxicológico, as estradas no Brasil e Estados Unidos terão um trânsito mais seguro e livre de drogas.

Sobre: Exame Cabelo

Veja também

7 atitudes que levam a suspensão imediata da CNH

Fique atento e conheça 7 atitudes que levam a suspensão imediata da CNH. Acredite se …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *