Home / Geral / Em ranking, Bahia é o 2º estado do País com condutores drogados

Em ranking, Bahia é o 2º estado do País com condutores drogados

Segundo levantamento feito pelo SOS Estradas – Programa de Segurança nas Estradas –, o Estado da Bahia é o segundo em todo o território nacional a ter mais motoristas potencialmente drogados conduzindo transportes de carga pelas estradas. Ao todo foram emitidas, sem a realização do exame toxicológico, mais de 600 habilitações, só no ano de 2013. O estado que ocupou a primeira posição do ranking foi São Paulo, que gerou 6.183 carteiras no mesmo período.

De acordo com o DETRAN-BA, não existiam comprovações científicas que aleguem que a suspensão do exame toxicológico no estado baiano contribuísse para que os motoristas usuários de drogas fossem um perigo nas estradas e colocassem a vida de terceiros em risco. Em contrapartida, o SOS Estradas, com base na pesquisa, identificou o percentual de 10% de possíveis condutores usuários de drogas com habilitações renovadas em todos os estados.

O cálculo para desenvolver o ranking e apontar os estados mais críticos se baseou no total de renovação mensal no ano de 2013, aplicando-se a estimativa de 10% de positividade para drogas. No caso do Estado da Bahia, ao todo foram expedidas 81.202 habilitações com a média de renovação por mês de 6.766 e, ao aplicar a estimativa, chegou-se ao total de 677 possíveis condutores drogados em posse de habilitações renovadas.

O coordenador da pesquisa, Rodolfo Rizzotto, informou que atualmente o número pode ter subido, principalmente pelo fato de que o número de CNHs expedidas aumentou, desencadeando também um acréscimo proporcional na estimativa de possíveis condutores usuários de drogas.

Fonte: Click Notícias.

Sobre: Exame Cabelo

Veja também

Conheças as multas mais comuns para motoristas de caminhão e saiba como evitá-las.

Regulamentada pelo CTB (Código de Trânsito Brasileiro), as leis de trânsito têm como intuito promover …